terça-feira, 28 de junho de 2011

Ainda sobre caráter.

O assunto começa a tomar corpo.
Muita gente se interessou.

Com o objetivo de reforçar o que é caráter, decidi dividir com todos algumas afirmações interessantes, feitas pelo mundo afora.

Vão lá...
1.
"A trapaça, a má fé e a duplicidade são, infelizmente, o caráter predominante da maioria dos homens que governam as nações"
          Frederico II, O Grande, Rei da Prussia.
2.
"Os pais somente podem dar bons conselhos e indicar bons caminhos, mas a formação final do caráter de uma pessoa esta em suas próprias mãos"
          Anne Frank
3.
"Quando encontramos pessoas de valor, devemos pensar em como podemos ser iguais a elas. Quando, ao contrário, encontramos pessoas sem caráter, devemos nos voltar para o nosso interior e examinar o que se passa lá dentro."
          Confúcio
4.
"O talento educa-se na calma, o caráter no tumulto da vida"
          Goethe
5.
"Reputação é o que você faz quando todos olham. Caráter é o que você faz quando ninguém esta olhando."
          Parque Kalhenberg

Já dá para percebermos que o assunto realmente nos toca muito.

Caráter é a premissa inicial de categorização de uma população. Temos o bom e o mau.

Pelas frases acima, concluimos que a base de uma estrutura governamental passa primeiro por avaliar o caráter dos candidatos postulantes aos cargos.

Agora, quem terá o discernimento e equilíbrio necessários ao cargo de eleitor? Como escolhê-los?
Qual a base necessária a um eleitor?

Ficam aí as indagações aguardando respostas.

Nosso próximo assunto:
Educação

Dica:
Leiam os comentários, verão que existem posturas e informações interessantíssimas. Complementam, em muito, o texto.







    segunda-feira, 27 de junho de 2011

    Caráter...

    Olá pessoal !!!
    Toda semana um carro novo.
    Que belo Chevrolet .

    Andei fazendo umas pesquisas por aí e conclui que o perfil mais importante para iniciarmos esta conversa, diz respeito ao caráter.

    E o que é caráter?

    É o termo que designa o aspecto da personalidade responsável pela forma habitual e constante de agir peculiar a cada indivíduo; esta qualidade é inerente somente à uma pessoa, pois é o conjunto dos traços particulares, o modo de ser desta; sua índole, sua natureza e temperamento.
    O conjunto das qualidades, boas ou más, de um indivíduo lhe determinam a conduta e a concepção moral; seu gênio, humor, temperamento; este sendo resultado de progressiva adaptação constitucional do sujeito às condições ambientais, familiares, pedagógicas e sociais.

    video

    O que acham?
    A maioria do nosso povo tem bom ou mau caráter?

    Alerta... 
    A partir de agora você pode comentar sem que tenha que se identificar.

    terça-feira, 21 de junho de 2011

    Continuando...

    Olá pessoal.


    Estive analisando as estatísticas deste blog e vislumbrei um número enorme de interessados no assunto.

    Acredito que o assunto nos diz respeito. É o nosso quintal.

    Isto aumenta a responsabilidade e por conta disto a seriedade deverá sempre nortear os assuntos aqui postados.

    Vamos lá então.

    Estive planejando a melhor forma de dar continuidade, apesar de já ter um planejamento pré-estabelecido, no entanto, conclui que o planejamento é algo que talvez se estruture "a posteriore", por definição e iniciativa de todos que por aqui passarem.

    Enfim, toda esta conversa, este blá-blá-blá, tem por objetivo ir posicionando o blog até que mais pessoas se aproxime e aí então, começaremos a traçar este país que eu sonhei.

    Na minha cabeça, existe um primeiro passo que gostaria de deixar para todos analisarem comigo. É o seguinte: somos conhecedores do nosso país, este Brasilzão. Logo, também, conhecemos bem o perfil do nosso povo.

    Conhecemos mesmo?

    Sei lá.

    É normal rotularmos as pessoas. Sempre as comparamos com o nosso padrão de pensamento e atitude. E, obviamente, achamos que somos certos. Isto posto, todo aquele que se apresenta fora do nosso padrão, é algo pernicioso. Isto mesmo, é nocivo.

    Vamos falar mais sobre isto?

    Qual é o perfil desta população? Para quem traçaremos regras básicas de relacionamento, comportamento e trabalho?

    Que tipo de organização política será necessária à dar apoio a todos? Independente de credo, classe social, etc., etc. e etc..

    É isto aí. Proponho que pensemos e troquemos idéias. Com certeza celebraremos um belo projeto após isto definido.

    Certo?

    Por hoje deixo assim.

    Nos encontraremos novamente amanhã.

    Saúde.
    Tharcísio Finhana

    domingo, 19 de junho de 2011

    O começo de tudo.

    Olá a todos!

    Este primeiro comentário tem a única função de explicar o que é isto.

    Pois bem, ouvimos diuturnamente informações extremamente revoltantes quanto à condução política de nosso País.

    A pergunta que sempre surge: O que posso fazer para mudar isto?

    A resposta sempre é mental e nunca exteriorizada, pois esta recheada de proteções individuais que nos indicam o caminho do silêncio e deixamos que outros tomem atitudes.

    Isto acontece comigo, quase que diariamente.

    Como gosto de caminhar sempre pra frente, decidi que ao contrário de criticar, propor a todos que me ajudassem a definir como deve ser o país que desejamos viver e ser felizes.

    Esta é a minha proposta. E, desejo compartilhar com todos que me seguirem, pois serão fundamentais na proposição de medidas e metas, entre muitos assuntos diversos que surgirão nesta empreitada.

    Então, posso contar com todos?

    Vou caminhar, e no caminho, tenho certeza que encontrarei brasileiros, como eu, desejosos de ver tudo isto mudar. Quem sabe, seremos precursores de idéias novas e construtivas.

    Um grande abraço.
    Tharcísio Finhana